.

.
Vem pra FACIBRA!

quinta-feira, 16 de abril de 2015

Os ‘superamigos’… da onça!


(*) Luiz Claudio Romanelli

Nesta semana que passou, quem convive de perto com a política paranaense viu fotos que retratam situações bem distintas em Brasília, com relação direta ao Paraná.
Numa delas, um grupo de secretários estaduais, parlamentares e a vice-governadora Cida Borghetti, debatem projetos importantes para o nosso estado, com os ministros Gilberto Kassab (Cidades) e Antônio Carlos Rodrigues (Transportes) e que dependem de recursos federais e boa parceria da União. Os secretários também conversaram com a bancada paranaense no Congresso sobre os projetos e sobre as medidas de ajustes tomadas pelo governo.
É uma ação do Paraná que pretende ter uma relação mais republicana com o governo federal e que já conta com o apoio, ou pelo menos da maior parte, da bancada federal em Brasília.
Agora a outra foto é para mim, no mínimo, constrangedora, como dever ter sido para o ministro do STF, Marco Aurélio. Um grupo risonho, dos principais líderes oposicionistas do Paraná, entrou com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade que questiona o aumento da alíquota do IPVA e fez questão de posar ao lado do ministro relator do processo.
Confesso que ainda me causa certo espanto constatar que políticos calejados, experientes, sabedores da enorme crise por qual passa a administração pública em nosso país, recorrem a Suprema Corte para tentar retirar recursos que estão faltando na gestão do estado, recursos que têm destinação constitucional para educação e saúde e para os municípios paranaenses, que recebem 50% desta receita adicional do IPVA.
É a famosa autofagia paranaense. Ao invés de ajudar o Paraná a vencer a dificuldades que vem enfrentando, estão alguns por vindita, outros pensando na próxima eleição – ainda que tão distante – agindo contra os interesses do Paraná.
Podiam ter aproveitado a caminhada e andado mais algumas quadras e terem ido até o Ministério da Educação e feito um apelo ao novo ministro Renato Janine que libere imediatamente a implantação do campus da UFPR no Norte Pioneiro e a tão sonhada Faculdade de Medicina, bem como da liberação dos repasses para educação e qualificação profissional, que estão atrasados.
Creio que a discriminação histórica que sofre o Paraná tem sua principal razão no fato de que, quem deveria representar o povo paranaense, não o faz. Num momento em que o país e o Estado atravessam uma grave crise e é necessário fazer ajustes e tomar medidas amargas e muitas vezes impopulares para alcançar o equilíbrio financeiro, é fundamental ser verdadeiro, transparente e ter coragem para escolher fazer o que é certo.
Entre as duas ações e as fotos que disse há pouco, prefiro ficar com as primeiras porque nelas vejo o diálogo e o caminho para recuperar o espaço que o Paraná merece em Brasília.
Isso porque ainda temos muitos desafios pela frente. Equacionar a questão previdenciária é um deles. Temos ainda que aprovar projetos importantes como o Programa de Ajuste Fiscal e as medidas de combate à sonegação, que vão melhorar a arrecadação e permitir a manutenção e ampliação dos investimentos em áreas prioritárias. Todos os projetos serão amplamente analisados e debatidos com a sociedade e com os deputados.
Em toda a minha vida, sempre defendi o diálogo e a negociação na resolução de conflitos. Aprendi cedo que conversando é que a gente se entende, que o respeito pelo outro e a tolerância são pressupostos fundamentais para a construção de uma sociedade democrática.
Nos tempos de hoje não há mais espaços para os que se acham donos da verdade e odeiam descaradamente o diferente. Esses devem refletir e aceitar o diferente, o que diverge, o que não concorda como agentes fundamentais para a construção de uma sociedade mais justa. Na liderança da base de apoio ao governo, pauto a minha conduta pelo diálogo permanente com todos os parlamentares e com os representantes dos sindicatos dos professores e servidores e da sociedade civil organizada.
Nos momentos mais difíceis da votação dos projetos encaminhados pelo governo à Assembleia, que culminaram na invasão do plenário e na greve dos professores, dialoguei com todos. Embora nem sempre tenha sido compreendido, fui tolerante com todos os que divergiam das minhas posições, inclusive com os que na defesa de suas ideias, distorceram fatos ou criaram uma falsa verdade para si mesmos, e tentaram impô-la aos outros.

(*) Luiz Claudio Romanelli, advogado e especialista em gestão urbana, ex-secretário da Habitação, ex-presidente da Cohapar, e ex-secretário do Trabalho, é deputado pelo PMDB e líder do governo na Assembleia Legislativa do Paraná. Escreve às segundas-feiras sobre Poder e Governo.

11 comentários:

  1. FALTA DE MATURIDADE E RESPONSABILIDADE FAZ O PODER "SUBIR À CABEÇA"
    Se alguém que é concursado sofre perseguição no seu próprio trabalho por expressar uma opinião, imaginem o terror que os pilantras aprontam pra cima de pessoas mais humildes e indefesas.
    Não preciso dizer mais nenhuma palavra. Todos estão acompanhando as ameaças que venho sofrendo. Peço as orações de vocês para seguir em frente numa luta de "Davi contra Golias", porque o fardo é pesado, mas a decisão já está tomada.
    Fé em Deus e pé na estrada!

    ResponderExcluir
  2. Romanelli inimigo da Educação. Inimigo do Paraná. Chupa Rola do Beto Lixo!

    ResponderExcluir
  3. parabens aos q lutam pelo povo paranaense, pois nao e justo um governador incompetente nao saber administrar o dinheiro publico , querer agora cobrar da populacao a conta da sua incompetencia,

    ResponderExcluir
  4. Sr. Deputado,
    Qto mais arrecadamos, mais somos roubados ou acha que esqueço da reportagem onde uma oficina mecanica em Cambé em nome de laranja que prestava serviço ao estado superfaturava as notas para arrecadar todo mês 1 milhão e 500 mil reais desviados do estado e essa oficina na verdade era do parente do Beto Richa. Fiscais estaduais envolvidos em fraudes com empresarios do estado... Vamos colocar as contas do governo em ordem, abram mão 6 meses dos salarios de deputados quero ver se tem coragem, e não precisa aparecer em WB, pessoas como vcs aki tem bastante, estamos tentando nos livrar mais tá dificiu.

    ResponderExcluir
  5. AMUNORP jamais teve representação de respeito muito menos agora. PQ SEMPRE FOMOS TAXADOS DE REGIÃO DA FOME??? RAMAL DA FOME??? LUNHA DA FOME??? eu lhes digo: POR QUE ESTA REGIÃO SEMPRE FOI REGIDA POR PESSOAS MEDÍOCRES, PREFEITINHOS DE MERDA QYE SE BORRAM E SE VISLUMBRAM NA PRESENÇA DE AUTORIDADES... POR EXEMPLO UM GOVERNADOR, UMA MULHER DE GOVERNADOR, ATÉ COM FUNCIONÁRIOS DE TERCEIRO ESCALÃO... Portanto, meu povo sofrido do norte velho... Pensem melhor nas próximas eleições!!! Chega dos mesmos. Chega desses idiotas caipiras imbecis que não têm a minima condição de administrar sequer suas famílias... Kkk haha sem comentários... Não precisa nem comentar o que já ta na boca do povo!

    ResponderExcluir
  6. Por que o governador não aumentou o IPVA o ano passado? Só agora o Paraná está precisando de dinheiro? Se é inconstitucional tem mesmo é que baixar o valor, já pagamos os PEDÁGIOS mais caros do BRASIL agora esse assalto ao bolso dos paranaenses com um aumento absurdo de IPVA...
    Me sinto envergonhado de ter votado nesse governo, mas é como todos dizem... Reeleição dá nisso, estou com os DEPUTADOS QUE ABRAÇARAM ESSA BANDEIRA.

    ResponderExcluir
  7. corre la na zona que t0mbo la

    ResponderExcluir
  8. paulo leonar calo a boca do taidinho kkkkkkk a chupançada fucaram tudo mucha. Com certeza ja estao sabendo do processo que o paulo abriu contra os bandido por calunia e difamação. Toma cambada kkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  9. Povo brasense, vamos pensar o seguiinte, nós temos em nosss mãos o poder de decisão, ja estamos escaldados com esses politicos atuais, reeleitos e nada fazem, prefeito reeleito, vereadores calejados, e pouco fazem pela população, vamos trocar tudo na proxima eleição, e quem entrar independente de quem seja vamos cobrar, e se não melhorar na proxima trocamos novamente, vamos colocar gente nova lá, gente com vontade de lutar pelo nosso povo.VAMOS RENOVAR

    ResponderExcluir
  10. ex-secretário da Habitação, ex-presidente da Cohapar, e ex-secretário do Trabalho.... Só faltou falar ex-bbb kkk... Brinadeira...Secagem isso q vem acontecendo...o Paraná está cada vez mais no buraco...infelizmente

    ResponderExcluir
  11. Seguinte galera, só quem nasceu nos anos 50 ou antes, conhece a história política de WB, portanto esses saberão que amigo da onça é uma figura conhecida de WB pois é conhecido por sempre ter sido traíra, é o pai do chifrudinho mais corno manso e famoso de WB, sempre foi conhecido por "ONÇA" KAKAKAKAKA ele sempre se envolve na política e sempre toma no c*
    (e a cumadi continua fazendo a alegria duas cumpadi). KAKAKAKAKA

    ResponderExcluir